Além de levar em consideração propriedades e preços, consumir qualquer um desses superalimentos Não pode levar-nos a não nos preocuparmos com o resto dos produtos que comemos.

Segundo os nutricionistas, “o importante é garantir uma alimentação saudável, variada e equilibrada, porque se fizermos uma alimentação à base de cereais refinados, produtos ultra-doces e ricos em gorduras de baixa qualidade, a adição de um punhado de goji bagas ou duas colheres de sopa de chia não vão ter nenhum efeito benéfico”.

“Devemos cuidar do perfil geral da dieta e, a partir daí, é uma escolha pessoal incluir os alimentos conhecidos como superalimentosmas ninguém deve pensar que vai ficar desnutrido porque não pode comprar esse tipo de produto, porque é fato que existem opções equivalentes e acessíveis”.

Superalimentos – Dieta é a chave

Quando falamos de superalimentos, nos referimos a nutrientes qualitativos que provêm de árvores como a moringa, frutas como a Garcinia Cambogia, arbustos e plantas como a estévia, algas como a espirulina ou a clorela.

Mas também cereais e sementes como quinoa ou espelta, superalimentos de cogumelos como reishi ou kombucha, ervas como chia ou echinacea, tubérculos como maca.

Mesmo de frutas como açaí ou coco, frutas como goji berries, óleos como azeite ou sementes como linho.

Preparamos uma tabela com a lista de superalimentos por família, para lhe dar pistas sobre quais os alimentos que gostaria de incorporar na sua alimentação, para que seja mais variada e equilibrada.

a árvore moringa

A árvore Moringa

A moringa é rica em vitaminas e proteínas, além de fornecer potássio.

É outro dos alimentos mais completos que existem e, se se diz que os porcos se comem até aos pés, esta árvore não ia ser menos, dela aproveita-se tudo: raízes, flores, caules, folhas…

Se você se atreve a experimentar a moringa, com certeza vai adorar.

Superalimentos: a planta Stevia

a planta estévia

Embora no mundo ocidental conheçamos mais a estévia como adoçante natural, substituto do açúcar para diabéticos, a medicina tradicional chinesa a considera um dos alimentos mais completos.

Eles o incluem no tratamento de doenças como câncer, níveis elevados de colesterol ou alergias.

Isso se deve, entre outras coisas, à sua grande contribuição para o aumento das defesas, um ativador do sistema imunológico.

Algas Spirulina

Superalimentos, algas Spirulina
A espirulina é uma alga rica em triptofano, um dos 10 aminoácidos essenciais necessários ao nosso corpo, além de fornecer clorofila, diversas vitaminas e minerais.

Da mesma forma, possui propriedades desintoxicantes, sendo recomendado para combater a prisão de ventre e doenças como o Alzheimer, entre outras.

cereal de quinua

Superalimentos, o cereal superalimento Quinoa

É ainda mais completo que os cereais, pois fornece componentes que eles não possuem; de fato, é um dos alimentos mais completos que existem.

Rico, sobretudo, em proteínas, mas também em vitaminas, ferro, fósforo e cálcio, e muito pobre em gorduras, quase poderia formar por si só uma dieta completa.

Superalimentos: Cogumelo Reishi

cogumelo reishi
Em muitos países asiáticos, o reishi é conhecido como a planta da imortalidade, e isso não é por acaso, pois seus benefícios são inúmeros.

Quando falamos do Reishi, falamos de benefícios como o fortalecimento do sistema imunológico, é utilizado em tratamentos de diabetes e câncer, ajuda a conciliar melhor o sono e também aumenta a energia. Esses são apenas alguns exemplos do que esse fungo pode proporcionar.

Erva Echinacea

A erva Echinacea
A Echinacea é uma aliada perfeita para todos os invernos, pois é um ótimo elemento para combater gripes e resfriados.

Isso ocorre porque é um dos melhores impulsionadores do sistema imunológico. Por outro lado, também é amplamente utilizado como medicamento em inúmeras doenças epiteliais.

Maca tubérculo

Superalimentos, o superalimento do tubérculo Maca
De origem peruana, a Maca é uma raiz considerada antidepressiva, anticancerígena, estimuladora do sistema imunológico, afrodisíaca, masculina e feminina e possui propriedades muito benéficas para o tratamento da menopausa, além de ser energética e um perfeito protetor da pele.

Superalimentos: o Açaí

Açaí
O Açaí é um fruto de uma palmeira, cujos poderes antioxidantes estão entre os mais fortes que podem ser obtidos desse tipo de vegetal.

É um superalimento ideal para atletas, pessoas com altos níveis de estresse ou doenças cardiovasculares. Em suma, o que esta baga nos oferece é um antioxidante de alta qualidade.

O fruto das bagas de goji

O fruto das bagas de goji

As bagas de Goji são uma pequena fruta vermelha escura que o ajudará a perder peso se precisar, além de fortalecer o sistema imunológico e ser benéfico para a visão e possíveis distúrbios hepáticos. Seu antigo uso no Oriente atesta todos os seus benefícios.

semente de linho

óleo de linhaça
A linhaça pode ser ingerida pura ou em óleo, e fornecerá uma grande quantidade de ômega 3, por isso traz grandes benefícios para quem a incorpora em sua dieta.

Reduz o risco de vários tipos de câncer, ajuda a emagrecer e a combater o diabetes, entre muitos outros efeitos positivos.