Defeitos mais comuns na calça

Certamente mais de uma vez, ao comprar ou fazer uma calça, você notou que algo está errado ao usá-la … É muito comum, pois, uma calça em concreto, ele é ajustado por diferentes partes do nosso corpo. Uma saia, por exemplo, não precisa de tantos retoques, e é mais comum que pareça bem de manhã cedo, já que, no caso de uma saia simples, ela só precisa ser bem ajustada à nossa cintura e quadris e, em algumas ocasiões, apenas a cintura.

Hoje vou te ensinar a corrigir esses defeitos que costuma ter as calças. Os dois mais comuns são ter uma espécie de "bolsa" nas pernas, nas costas; e o outro, que é "sugado" na virilha da parte traseira.

DESENVOLVIMENTO

SACOS NAS COSTAS

O defeito mais comum são os sacos ou "quedas" em a parte de trás da calça, pelo formato das pernas.


Para corrigir isso, a cintura-cintura das costas é modificada:

Na básica normal, colocamos 3 cm de N e subimos mais 3 cm


Neste caso, vamos entrar e elevar entre 1,5 cm e 2 cm


Redesenhamos a foto

A linha lateral da região do quadril também é modificada, pois, ao inserir menos cms, a linha da cintura também se arrasta para frente

É basicamente isso que você faz é, encurtar a tacada, e por sua vez, levantar toda a calça, pois, tendo menos viagens, evitaremos ficar "por cima" do tecido, que foi a causa daquelas bolsas

ATENÇÃO: Certamente você dirá: bem eu faço meu arremesso e levantamento básico de 2 cm e voila! ERRO! É melhor que você faça como está explicado no básico, já que essa correção não serve a todos. Enfim, por causa do formato do seu corpo, esses 3 cm são bons para você e você não precisa reduzir


É assim que o padrão final permaneceria


PARA OBTER MAIS AJUSTE EM TECIDOS ELÁSTICOS

Também é importante não modificar a largura do plano para tecidos rígidos.


Se o tecido contiver elasticidade, pode ser encurtado para torná-lo mais apertado

Colocamos entre 1,5 e 2 cm


Ajustamos o desenho da virilha


Desenho final de nosso padrão transformado


MUITO AJUSTADO NA CROTTLE

Outras vezes, nossas calças são "sugadas" na virilha por trás, ou seja, é muito apertado nessa área e é absorvido


Para corrigir esse defeito, devemos aumentar a largura do calado.


Marcamos o ponto I, que é nossa tacada básica

Desenhamos uma linha vertical que passa por esse ponto


Aumentamos entre 1,5 e 2 cm


Redesenhe a virilha com uma curva, até encontrar a bainha


Transformação definitiva


Espero que tenha gostado, mas, acima de tudo, que serviu a você.
Gostaria que você me dissesse qual conteúdo gostaria de ver neste blog

Este conteúdo é feito 100% de meu conhecimento e as ilustrações feitas por mim, por favor, se quiser utilizar este conteúdo em qualquer outra página, faça-o com meu consentimento 🙂

Fonte: este post é de Alejandra Colomera, onde você pode consultar o conteúdo original.

Criado: